Fundo para trazer Maxi López para o Santos

O Santos parece ter apreço por jogadores estrangeiros com apelidos, no mínimo, inusitados. Depois da não conclusão da negociação com o uruguaio El Loco Abreu, que acertou com o Botafogo, o novo alvo da diretoria é o argentino Maxi López, ou, se você preferir, La Barbie.

O atacante, que jogou no Grêmio em 2009, não acertou com a equipe gaúcha (veja mais no quadro ao lado), e deve voltar para a Rússia para se reapresentar no FC Moscou – clube com o qual tem contrato – no próximo dia 14.

O empresário do jogador, o também argentino Dario Bombini, afirma que Maxi, por enquanto, ainda não está em negociação com nenhum clube, “nem do Brasil, nem de qualquer lugar da Terra”.

– Ainda não estamos negociando. Se não houver acordo, ele (Maxi López) deverá voltar ao clube russo, normalmente – informou.

Negociando com nenhum clube, talvez, mas o Santos aposta num secreto fundo de investimento para tentar trazer o artilheiro. Em reuniões sobre contratações da cúpula santista, o nome do jogador agradou. Sem caixa, o Santos informou, a esse fundo secreto, o interesse pelo jogador. A partir daí, esses agentes irão negociar a possível transferência. O Peixe só voltará a será consultado depois de algum acerto, o que ainda não aconteceu.

Segundo o empresário do atleta, o jogador está de férias com a família e não quer falar com a imprensa.

– Ele está na Argentina, com a família. Ele está isolado, não quer falar porque já passou muito mal com essa história da saída dele do Grêmio. Agora está numa situação ruim para ele e não quer falar – afirmou.

Como bem disse Dario Bombini, Maxi López foi procurado pela equipe de reportagem do LANCE!, mas não respondeu às ligações.
De olho na Europa?
A mídia internacional afirma que Maxi interessa à Lazio, da Itália, e também ao West Ham, da Inglaterra, mas, como disse seu empresário, nada foi acertado oficialmente. Na Europa, o atacante argentino já jogou por Barcelona, Mallorca e FC Moscou, antes de atuar pelo Grêmio.

Caso López X Grêmio
Chegada
Maxi López chega ao Olímpico com um passado de passagens ruins por Barcelona, Mallorca e FC Moscou.

Acordo?
O atacante possui 50% dos seus direitos, o restante pertence ao clube russo. Ficou acertado que os tricolores depositariam R$ 3,7 milhões, em juízo, para López comprar os outros 50%, e o restante, cerca de R$ 1,3 milhões, ficariam com o jogador.
Desacordo
Na última segunda-feira, López enviou um fax para o Grêmio informando que não haveria mais acordo.

FONTE: LANCENET !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: