Dono do City pretende oferecer R$ 2,5 bilhões pelo Real Madrid

Sheik planeja ter 2 times, porém, UEFA não permite

 Dono do Manchester City, o sheik Mansour bin Zayed Nahyan mira sua fortuna para outro clube. De acordo com o jornal espanhol “AS”, o membro da família real de Abu Dhabi estaria disposto a oferecer € 1 bilhão (cerca de R$ 2,5 bilhões) para ter o controle do Real Madrid. Mas a decisão não é somente financeira.

Em seu estatuto oficial, o clube merengue não pressupõe sua venda. O artigo 58, no entanto, prevê a possibilidade de “Transformação, fusão e extinção da entidade”. Para isso, todos os sócios deveriam escrever um referendo aprovando a venda.

Consciente da dificuldade em conseguir o objetivo, o sheik teria mandado intermediários iniciarem a negociação com o presidente do clube merengue, Florentino Pérez. Uma proposta por acabar com a dívida merengue não está descartada. Uma reunião oficial pode ser marcada para o início de 2010.

Uefa impede a posse de dois clubes 

Não somente os estatutos sociais são contra a compra. A Uefa proíbe que uma só pessoa seja dona de dois ou mais clubes – no caso, o Manchester City.

Mansour bin Zayed Nahyan, de 39 anos, também controla uma das maiores empresas de petróleo nos Emirados Árabes e é casado com Shaika Manal, filha também do sheik Rashid Al-Maktoum, vice-presidente dos Emirados Árabes e autoridade de Dubai. Além do futebol, o homem mais rico do futebol britânico também é apaixonado por corrida de cavalos. O seu patrimônio gira em torno de € 16 bilhões (R$ 39,7 bilhões).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: